A inovação é o segredo para o sucesso nos dias atuais. Mas fazer gestão e negócios considerando esse aspecto pode ser difícil, inclusive na área de Tecnologia da Informação.

Um estudo da consultoria Gartner, divulgado pela Gaea Consulting, mostra que 65% dos diretores de TI acreditam que o mercado sofre uma crise de talentos e de inovação. Levando em conta somente os gestores brasileiros, o número é ainda mais preocupante: 81% dos CIOs pensam que o cenário está ruim.

Apesar disso, o mercado é extremamente dinâmico, de alta concorrência e mudança constante. Nesse contexto, é preciso aumentar o desempenho da equipe e assumir a liderança para apresentar melhores resultados.

Como fazer isso? Neste post vamos apresentar algumas dicas para praticar a inovação na gestão de TI. Quer saber quais são elas? Veja a seguir:

1. Adote o Scrum

Essa é uma das metodologias ágeis que permite aumentar a produtividade e cumprir todas as tarefas programadas para o dia. O Scrum é um framework que evita a ocorrência de horas extras, possibilita entregar valor aos clientes internos e consegue equilibrar demandas e capacidade de entrega.

Essas vantagens são conquistadas por meio da implantação de sprints (ciclos), que representam diversas atividades que devem ser executadas durante determinado período de tempo. O resultado é: diminuição das falhas e erros, motivação da equipe e melhor visualização do projeto.

2. Elimine a burocracia

Uma hierarquia muito rígida na estrutura empresarial dificulta o andamento dos processos. O resultado é uma organização que toma decisões lentamente, o que a deixa em desvantagem em relação à concorrência.

Atualmente, é preciso implantar mudanças rápidas para se destacar no mercado. O ideal é que o gestor ofereça autonomia aos colaboradores e delegue tarefas. Essa relação de confiança aumenta a velocidade da tomada de decisões e o empoderamento dos profissionais. Consequentemente há mais possibilidade de surgirem novas soluções.

3. Faça o outsourcing de TI

A ideia, aqui, é terceirizar o serviço de TI para melhorar a gestão desse setor, especialmente em áreas específicas, como o data center e o service desk. O objetivo dessa ação é fazer com que a equipe foque o core business e deixe de lado outras atividades menos estratégicas.

4. Atente-se às melhores práticas de gestão e negócios de TI

A aplicação de boas práticas garante o destaque da sua empresa no mercado e permite que ela se diferencie da concorrência. O cuidado que se deve ter é com a atualização dessas atuações, já que, se elas permanecerem constante, a organização dificilmente consegue manter essa posição por muito tempo.

Esteja em constante atualização para se manter à frente da concorrência. Algumas dicas são seguir as práticas de Information Technology Infrastructure Library (ITIL), PMBOK, Capability Maturity Model (CMMI), Scrum, entre outras.

5. Cuide da segurança da informação

A quantidade cada vez maior de malwares no mercado exige que o mundo corporativo esteja atento à segurança da informação. Isso é ainda mais evidente no Brasil, país que é campeão em ataques maliciosos, segundo a empresa Kaspersky, em divulgação do site Convergência Digital.

Por isso, vale a pena focar as vulnerabilidades e eliminá-las ou, pelo menos, reduzi-las. A ideia é fazer investimentos robustos e apostar nas melhores práticas de segurança da informação, como: instituição de políticas de segurança, treinamento de colaboradores, realização de auditorias etc.

Essas 5 dicas vão fazer sua empresa ficar na ponta das inovações tecnológicas. Porém, é preciso ter paciência, porque a diferenciação pode demorar para surtir efeito. Mas o resultado bem.

Sua empresa já está preparada para inovar na gestão e negócios de TI? Se você ficou com alguma dúvida ou tem alguma experiência a compartilhar, aproveite para deixar seu comentário no post!